NEIL YOUNG - POCAHONTAS

Desde que me recordo, ouço Neil Young, sempre, com a mesma atenção e carinho. Por diversas razões:
(i) Ouvia "grunge" quando era puto, Mudhoney, TAD, Nirvana, Soundgarden, Alice in Chains, Stone Temple Pilots, entre outros, e lembro que todos, quase unanimemente, consideravam Neil Young como o seu mentor;
(ii) Acompanhei, como muitos da minha geração, a morte de Kurt Cobain e lembro - me da nota com "Its Better to Brun out than to fade away";
(iii) ouvi, emocionado o "Sleep with Angels"...
O álbum que mais gosto dele é, sem dúvida, o "Rust Nevers Sleeps", de 1979.
Aqui fica "Pocahontas".
A pesquisar na net descobri que, a relação que existe entre o Marlon Brandon, Pocahontas e Neil Young é a seguinte: (i) Neil Young sempre foi um defensor dos direitos dos Indios, (ii) Marlon Brandon recusou aparecer numa cerimónia de apresentação dos oscares e, em sua substituição, enviou uma nativa americana que leu uma declaração sobre o massacre, e, (iii) Pocahontas casou com um inglês, com o pretexto de criar paz entre as colónias e tentar cativar a vinda de colonos ingleses para aquela região.
Aurora borealis
The icy sky at night
Paddles cut the water
In a long and hurried flight
From the white man to the fields of green
And the homeland weve never seen.

They killed us in our tepee
And they cut our women down
They might have left some babies
Cryin on the ground
But the firesticks and the wagons come
And the night falls on the setting sun.

They massacred the buffalo
Kitty corner from the bank
The taxis run across my feet
And my eyes have turned to blanks
In my little box at the top of the stairs
With my indian rug and a pipe to share.

I wish a was a trapper
I would give thousand pelts
To sleep with pocahontas
And find out how she felt
In the mornin on the fields of green
In the homeland weve never seen.

And maybe marlon brando
Will be there by the fire
Well sit and talk of hollywood
And the good things there for hire
And the astrodome and the first tepee
Marlon brando, pocahontas and me
Marlon brando, pocahontas and me
Pocahontas.

1 comentário:

rui reis disse...

Sem dúvida, meu caro, uma excelente música! Aproveito para sugerir q ouças a versão unplugged desta mesma música (Álbum Neil Young Unplugged - 1993).