LISTA FIM DE ANO - FREEKOWTSKI

Olá estimados leitores! Meu nome é Freekowtski e sou o segundo, e novo, anfitrião deste estamine.
Começo em grande e elaborei uma lista com os cinco melhores álbuns deste ano.
Escolhidos a dedo por mim. Claro!
Este foi um ano com uma colheita musical bastante fraquinha.
Não houve Ok Computers, Dummies, Blue Lines ou Autobahns !
É triste, caros amigos e amigas, mas, provavelmente, 2008 será lembrado como o ano do regresso dos Guns ´n Roses….

Enfim... Cá vai a minha listinha:

5. Andy Stott - Unknown Exception
Andy Stott, DJ, à noite, e vendedor de carros, de dia, juntou nesta colectânea os seus trabalhos realizados desde 2005. Faz lembrar Ellen Alien e Basic Channel.

4. Ricardo Villalobos - Vasco
O mágico Chileno, que cresceu na Alemanha, continua a fazer magia. Mais um álbum para descobrir o seu toque de Midas musical.

3. Minilogue - Animals
26 músicas dividos por 2 cds. Produzidos na Suécia, um cd é de ambience e o outro é de minimal techno.

2. Benji Hughes – A Love Extreme
O novo Beck é gordo, tem barba longa e chama-se Benji. Só espero que não seja membro da scientologia!

1. Portishead - Third
Foi uma longa espera, mas o resultado é mais que bom.
Bem-vindos de volta, Portis!

Houve também excelentes álbuns dos:Hercules and the Love Affair, Autechre, Dj_Rupture, Lindstrom e Front 242 (ao vivo).
Gostava também de mencionar o DVD "Part Of The Weekend Never Dies" dos 2 Many DJs.
Cativou-me tanto que, logo depois de o contemplar, fui parar ao Lux.

Espero poder colocar aqui, em breve, um podcast com algumas das músicas pertencentes aos álbuns eleitos.

Sem comentários: