HELL BENT FOR LEATHER - SEB HUNTER


Também é o nome de uma música dos Judas Priest. 

Sim, aquela banda de Hard n´Hevy cujo vocalista entrava de mota nos concertos e, para espanto da comunidade metaleira (vai se la saber porque, o homem andava sempre de cabedal, correntes, chicotes e com aquele aspecto, "saudável", de quem vai participar numa sessão de "bondage"), declarou-se Gay na MTV.

Mas, "Hell Bent for Leather", é um livro que relata a vida de um "metaleiro", detesto esta expressão, entre o New Wave of British Metal e o Nú metal, isto é, entre finais da década de setenta e os anos noventa.

Comecei a ler ontem e já devorei um terço do livro. Muito bem escrito, engraçado, cheio de factos e histórias que aguçam a curiosidade de qualquer melómano, Seb Hunter, transmite de uma forma real e aliciante o que é ser fá de um qualquer tipo de música.

Sem comentários: