CAMERA OBSCURA

 "... went for a stroll after dark, I thought of you and her, I think I´m going mad...", TeenagerCamera Obscura, "Underachievers Please Try Harder", 2004. 
Há situações que me deixam puto da vida… Não no sentido de ficar zangado e querer partir tudo a minha frente mas na tristeza de constatar que o mundo é, muitas das vezes, injusto e cruel. Esta semana depois de um telefonema do Hugo lembrei me que um dia, há muitos anos atrás, fiz uns exames, acho que chamavam “especificas” na Universidade de Aveiro. Nunca soube os resultados desses exames e se não tivessem falado comigo esta semana nem sequer lembraria dos mesmos. Mas o destino tem destas coisas. Lembra episódios que a curto ou a médio prazo nos fazem pensar em acontecimentos na nossa vida. Isto a propósito das notas dos exames do secundário publicadas ontem…Não é correcto que alguém com média de secundário acima dos 18 valores não consiga ter acesso ao curso que deseja. Não é pela média… È pela porra da expectativa, pela M... da dedicação, das F... da P... das horas de estudo que eles gastaram, do tempo que perderam a não namorar, a pensar nos amigos, a brincar, a fazer parte da vida de uma associação, a simplesmente viver a vida enquanto miúdos que são..  Não tive essa pressão de ter de fazer contas… De contar cada décima de cada média, de cada disciplina, de cada ano e de cada período…  Não é correcto que alguém que lutou três anos da sua vida, por uma vez, as tantas, por uma das únicas vezes na sua vida, não tenha o justo reconhecimento pelo que fez. Ainda pensei em voltar a ouvir “Words of Advice for Young People” do W. S. Burroughs, deve vez com os Disposable Heroes of Hiphoprisy mas … A  música dos Camera Obscura torna-se fácil neste contexto pois diz como dever ser um adolescente... Com algumas sonoridades Surf, Psyhco e Pop… Muito bom Pop!

Sem comentários: